Secretaria de Cidades terá olhar ampliado sobre regiões metropolitanas
12/01/2023 - 18:00

O Secretário de Estado das Cidades, Eduardo Pimentel, fez na tarde desta quinta-feira (12) uma primeira reunião de trabalho com o diretor-presidente da Agência de Assuntos Metropolitanos do Paraná (Amep), Gilson Santos, e a equipe que cuida dos projetos metropolitanos. Ele conheceu as áreas técnicas da nova autarquia e seus principais desafios, que agora vão envolver todas as regiões metropolitanas, destacando o interesse em colaborar com os objetivos do Governo do Estado.

Eduardo Pimentel percorreu todos os departamentos da autarquia e elogiou o time que vai ajudar a construir e a fortalecer a nova agência em todo o Paraná. “Curitiba e Região Metropolitana já desenvolvem um grande trabalho conjunto, com integração verdadeira, construindo um caminho juntos. Vamos levar os exemplos daqui e utilizar as informações que estão sendo construídas nos Planos de Desenvolvimento Urbano Integrado a outras regiões metropolitanas”, enfatizou o secretário.

Com a Amep, o Estado pretende fortalecer o papel dos grandes conglomerados urbanos. "Vamos estreitar as relações entre a Secretaria e Amep para que as ações possam ocorrer com a melhor sinergia possível. É nosso objetivo ter um alinhamento total das nossas atividades para que elas atinjam seus objetivos com a celeridade que a população deseja e precisa”, destacou.

Por lei, o Paraná conta atualmente com oito regiões metropolitanas: Curitiba, Londrina, Maringá, Cascavel, Apucarana, Campo Mourão, Toledo e Umuarama. A autarquia ajudará na implantação, no Estado, do Estatuto da Metrópole, contribuindo com o desenvolvimento ordenado e sustentável das cidades paranaenses.

Entre as atribuições da agência estão o estabelecimento de metas, planos, programas e projetos de interesse comum entre as cidades; a execução de projetos e obras nesses territórios e a proposição de normas, diretrizes e critérios para compatibilizar os planos diretores dos municípios integrantes das regiões metropolitanas com o Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado.

"Estamos começando a trabalhar com essa nova estrutura e o objetivo é ampliar a área de atendimento para todo o Estado o mais rápido possível. Com tempo teremos grandes novidades pela frente, construindo cidades cada vez mais sustentáveis e interconetadas", complementou Gilson Santos.