Tráfego intenso da BR-116 impacta transporte coletivo da RMC
30/11/2022 - 10:24

A Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba (Comec) informa que como consequência dos deslizamentos ocorridos na BR-376 foi registrado um intenso tráfego de veículos na BR-116, impactando diretamente o atendimento do transporte coletivo dos municípios de Fazenda Rio Grande, Mandirituba e Quitandinha.

Ainda na tarde desta terça-feira (29), a Comec autorizou os desvios das linhas F02 – Curitiba /Fazenda Rio Grande; F03 – Fazenda Direto; G11-Quitandinha/Pinheirinho e G72-Curitiba/Areia Branca, pelo bairro do Umbará. Porém, rapidamente os desvios também passaram a apresentar intenso tráfego, tornando-os inviáveis.

A Comec autorizou também o reforço na operação com utilização de veículos extras. Eles foram enviados diretamente ao Terminal do Pinheirinho para atender o retorno dos usuários, mas a ação se mostrou pouco efetiva, visto que os ônibus também foram impactados pela lentidão do trânsito.

A Comec afirma que está mobilizando toda a equipe para estudar alternativas, mas reforça que o momento é complexo e delicado, exigindo compreensão de todos.

Ao todo, cerca de 34 mil usuários fazem uso destas linhas e os únicos acessos se dão pela BR-116 e Rua Nicola Pellanda.